Pesquisar este blog

segunda-feira, 3 de junho de 2013


Irmãs Iman e Amani nasceram há três dias em Hebron, na Cisjordânia.
Família espera que a Arábia Saudita ajude no caso.

Siamesas Iman e Amani nasceram na Cisjordânia
e esperam possível cirurgia (Foto: Hazem Bader/AFP) 
Duas meninas siamesas palestinas nasceram há três dias em Hebron, na Cisjordânia, e a família agora espera que a Arábia Saudita assuma o caso e determine se será necessária uma cirurgia para separá-las.
As gêmeas Iman e Amani são unidas pelo abdômen e têm um estômago e dois corações, segundo médicos israelenses. 
A mãe delas havia conseguido permissão para dar à luz no Hospital Hadassah, em Jerusalém, mas acabou parindo no Hospital Alia, em Hebron. 
A mulher soube que teria filhas siamesas durante o pré-natal e se recusou a interromper a gravidez em razão de suas convicções religiosas.


Irmãs palestinas compartilham um estômago e dois corações, segundo médicos (Foto: Hazem Bader/AFP) 


Gêmeas palestinas nasceram há três dias e são unidas pelo abdômen (Foto: Hazem Bader/AFP) 



Meninas estão em hospital de Hebron e aguardam intervenção da Arábia Saudita (Foto: Hazem Bader/AFP) 

Noticias: Internacional, RBN
Reações:

0 comentários :

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação !

Aquivo deste blog