Pesquisar este blog

quinta-feira, 6 de junho de 2013

A pedido do Repórter e editor deste meio de comunicação ELIAS JUNIOR, o Deputado Estadual Hilton Aguiar, que atualmente é o Vice - Presidente da Comissão de Divisão Administrativa e Assuntos Municipais, e relator nos processos de criação dos municípios no estado do Pará, ele nos falou que irá fazer uma reunião na vila de Fordlândia para saber se ha interesse coletivo da população local, na criação do novo município.

Vale ressaltar que No dia de 07 de maio deste ano, os deputados estaduais, Pio X, Hilton Aguiar, Airton Faleiro e Bernadete Ten Caten, membros da Comissão de Divisão Administrativa e Assuntos Municipais da ALEPA, estiveram em Brasília cobrando da bancada federal de seus partidos apoio para que colocassem em pauta de votação a PLC 416/2008, que autoriza as Assembleia Legislativas Estaduais, a criação de novos municípios. O apelo dos parlamentares deu resultado, e na noite da ultima terça - feira(04) foi colocado em votação e aprovado a PLC 416/2008.
Como o texto foi alterado pelos deputados, ele volta para análise dos senadores. Segundo dados da Frente Parlamentar Mista de Apoio à Criação de Novos Municípios, a proposta deve permitir em curto prazo a formação de 150 novas municípios –sendo que, atualmente, são 5.570. O projeto fixa critérios para a criação, fusão e desmembramento de municípios.


A formação de novas cidades só será permitida após a realização de Estudo de Viabilidade Municipal e de consulta prévia, mediante plebiscito, às populações envolvidas. O texto também exige uma população mínima, que varia de acordo com a região. Para a emancipação, a população do novo município deve ser igual ou superior a 6.000 habitantes nas regiões Norte e Centro-Oeste; 8.500 mil habitantes no Nordeste; e 12.000 no Sul e Sudeste.


No Pará existe projeto para criação de mais de 50 municípios, nos quais alguns já estão em processos adiantados, como é o caso de Moraes Almeida em Itaituba, que inclusive já teve o parecer favorável a sua emancipação, faltando a apenas a sanção do projeto para que seja colocado em votação no plenário da ALEPA o pedido de plebiscito.


O deputado Hilton Aguiar, Vice - Presidente da Comissão de Divisão Administrativa e Assuntos Municipais, e relator nos processos de criação dos municípios de Novo Paraíso em São Geraldo do Araguaia, Moraes Almeida em Itaituba, e Bela Vista do Caracol em Trairão, falou de sua felicidade pela aprovação desta PLC, que tirará do isolamento vários distritos do nosso Estado, que lutam há muito tempo pela sua emancipação, e pelo de seu desenvolvimento.


Hilton Aguiar falou ao repórter deste site que se a população de Fordlândia estiver disposta em lutar com ele pela sua emancipação ele certamente irá apoiar a região de Fordlândia com muita luta, para que a cidade Princesinha do Tapajós possa caminhar com suas próprias pernas.


Vale ressaltar que Fordlândia foi o nome dado a uma gleba de terra adquirida pelo empresário norte-americano Henry Ford, através de sua empresa Companhia Ford Industrial do Brasil, por concessão do Estado do Pará, por iniciativa do governador Dionísio Bentes e aprovada pela Assembleia Legislativa, em 30 de setembro de 1927. A área de 14.568 km² fica localizada no município de Aveiro, no estado do Pará, às margens do Rio Tapajós.


Mais que a cidade está parada no tempo, pela falta de crescimento no contexto politico, Fordlândia que é conhecida no mundo inteiro por suas belezas naturais e por sua historia, é totalmente dependente de Aveiro, seno assim impossibilitada de crescer.


Um dos maiores sonhos de todo o Fordlândense certamente é um dia poder caminhar com as suas próprias pernas, se isso acontecer certamente a cidade se tornará uma das mais prosperas da região Oeste do Pará.


Elias Junior
Reações:

0 comentários :

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação !

Aquivo deste blog