Pesquisar este blog

terça-feira, 13 de agosto de 2013

Um homem de 58 anos foi preso na cidade de Limoeiro, no Agreste pernambucano, enquanto transportava 1,3 tonelada de carne de jumento em uma Kombi, na madrugada desta terça-feira (13). Ele estava com um ajudante de 17 anos, que foi liberado pela polícia. A carne foi levada para a delegacia do município.

De acordo com o delegado responsável pelo caso, Paulo Gustavo, o automóvel com a carne de jumento foi interceptado pela Polícia Militar no bairro de Piralira. "A cidade tem histórico de matança e já tínhamos a suspeita do transporte de carne", afirmou, em entrevista ao G1.
Ainda segundo o delegado, o adolescente havia recebido R$ 30 para ajudar o homem com o transporte. Ele foi liberado e entregue à família, com o compromisso de se apresentar ao Ministério Público quando solicitado.

A carne seria comercializada no bairro de Prazeres, em Jaboatão dos Guararapes, na Região Metropolitana do Recife. A polícia já tem suspeitos de quem seria o proprietário da carne e tem até 10 dias para concluir o inquérito e indiciar os responsáveis. O homem flagrado com o material já tinha passagem pela polícia nas mesmas circunstâncias e vai responder por crime contra as relações de consumo e corrupção de menor. Ele foi encaminhado ao Presídio de Limoeiro.

A comercialização da carne de jumento é proibida por lei em todo o Brasil. Como o produto é fornecido por matadores clandestinos, não há controle sanitário. A carne deve ser incinerada pela Vigilância Sanitária.


Fonte: G1 (Foto: Divulgação / Polícia Civil)
Reações:

0 comentários :

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação !

Aquivo deste blog