Pesquisar este blog

domingo, 21 de abril de 2013

Período de aplicação de vacinas começou com um mês de antecedência para atender comunidades indígenas isoladas.

MACAPÁ – Um dos grupos prioritários da campanha de vacinação contra a gripe, que começou na segunda-feira (15), é a população indígena. A meta desta edição da campanha é alcançar até 95% da população indígenas do Amapá. Na cidade de Oiapoque (a 550 quilômetros da capital), onde está concentrada a maior população indígena do Amapá, com 7 mil pessoas de cinco etnias (Galibi, Juminã, Uaçá, Karipuna e Palikur), a imunização vai incluir indígenas a partir dos seis meses de vida.
Em Pedra Branca do Amapari, centro-oeste do Estado, mais de mil índios estão imunizados na aldeia Waiãpi. A população indígena do Amapá é de cerca de 10 mil indígenas. Em Oiapoque, 64% dos habitantes são indígenas – 6,8 mil pessoas.
Em abril, o trabalho dos técnicos do Distrito de Saúde Indígena – responsáveis pela imunização – está concentrado nas aldeias Cumarumã, Cumene e Manga. A principal dificuldade enfrentada pelos povos indígenas e equipes de saúde está no acesso nas áreas onde estão localizadas as aldeias. Em algumas regiões, só é possível chegar de avião, como é o caso do Parque do Tumucumaque. O isolamento dificulta a chegada de serviços públicos. O problema fez com que o trabalho dos técnicos do Distrito de Saúde Indígena iniciasse a imunização com um mês de antecedência.
A coordenadora do Distrito de Saúde Indígena, Nilma Pureza, explica que em decorrência dessas dificuldades, uma equipe já foi enviada para a aldeia Karumã, onde 2 mil índios deverão receber a vacina contra a gripe. Outra equipe iniciará a campanha em Oiapoque, nos próximos dias. A imunização será realizada em quatro meses.

Fonte: Portal amazonia
Reações:

0 comentários :

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação !

Aquivo deste blog