Pesquisar este blog

sexta-feira, 25 de janeiro de 2013

Inscrições poderão ser feitas pela internet, no site daUniversidade do Estado do Pará

A Secretaria de Estado de Administração (Sead) publica no Diário Oficial do Estado (DOE), nesta sexta-feira (25), o edital para o novo concurso da Polícia Civil (PC), depois do cancelamento do concurso realizado no dia 16 de setembro do ano passado, por causa da violação de três envelopes contendo provas e outras irregularidades que resultaram na prisão de sete pessoas.

As inscrições poderão ser feitas pela internet, no site da Universidade do Estado do Pará (www.uepa.br), a partir do dia 6 de fevereiro. O valor da inscrição (R$ 47,50) é o mesmo do concurso anulado.

Os candidatos que participaram do processo anterior e não solicitaram ressarcimento do valor da taxa já estão com suas inscrições asseguradas, sem ônus. Basta fazer um novo cadastro para participar do certame, desconsiderando o boleto que será emitido ao final da inscrição. Os candidatos que solicitaram ressarcimento e os novos devem fazer o procedimento normal.

O novo concurso oferece 670 vagas, sendo 150 para delegado, 250 para investigador, 250 para escrivão e 20 para papiloscopista. A Sead espera que todas as etapas do concurso sejam concluídas e os aprovados estejam aptos para participarem do curso de formação, em setembro deste ano. Segundo a secretária de Estado de Administração, Alice Viana, “a expectativa do governo do Estado é que os concursados já estejam aptos a partir de janeiro de 2014”.

FRAUDES

O edital nº 01/2012-Sead/PCPA do concurso anulado no ano passado previa somente 250 vagas para investigador e 250 para escrivão. Mais de 26 mil candidatos participaram do concurso que foi cancelado pela própria Sead no dia 25 de setembro de 2012, depois que ficou comprovado que três envelopes contendo provas foram violados em três escolas, conforme laudo do Centro de Perícias Científicas Renato Chaves. Entre outras irregularidades, foi constatado o uso de celulares e de pessoas fazendo provas no lugar de outras.

A anulação do concurso resultou em um prejuízo de R$ 400 mil para o Estado, pagos para a MS Concursos, empresa que venceu a licitação para aplicação da prova. O governo não informou se será a mesma empresa que vai realizar o novo concurso.

RESUMO

VAGAS

O novo concurso oferece 670

vagas, sendo:

150 para delegado;

250 para investigador;

250 para escrivão;

20 para papiloscopista.

Fonte: Agência Pará
Reações:

0 comentários :

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação !

Aquivo deste blog