Pesquisar este blog

terça-feira, 11 de outubro de 2011

Os funcionários dos Correios no Pará decidiram manter a greve por reajuste salarial, seguindo a tendência nacional dos outros sindicatos. A categoria, em todo país, aguarda o julgamento do caso pelo TST (Tribunal Superior do Trabalho), que deve acontecer nesta terça-feira (11), em Brasília. Os funcionários dos Correios estão em greve há 27 dias. Outra assembleia está marcada para quinta-feira (13) para avaliar o resultado.

'A nossa greve está indo para as mãos do juiz, ele que deve julgar o caso amanhã. Nós decidimos não aceitar a proposta que nós fizeram na semana passada e estamos certos de que o jeito será o dissídio', explicou Vandeniro Pereira, diretor do sindicato dos trabalhadores do Correios no Pará. Segundo Vandeniro, ainda na tarde desta segunda-feira (10) a categoria tentou mais uma vez negociar com a estatal, mas não houve acordo.

No Pará, os funcionários devem trabalhar normalmente nesta terça-feira (11) e no final do expediente, uma nova assembléia deve discutir o que foi proposto no possível dissídio. A categoria reivindica aumento real de R$ 400, piso salarial de R$ 1.635 (hoje é de R$ 806),vale-alimentação de R$ 30 por dia e vale-cesta de R$ 200.

Reações:

0 comentários :

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação !

Aquivo deste blog