Pesquisar este blog

quinta-feira, 27 de fevereiro de 2014

O comando da polícia militar em Itaituba informou que ainda não foi realizada nenhuma prisão referente aos homens que entraram em confronto com reservado da PM.Que tudo não passou de informações falsas, fato comum nesses últimos dias na cidade. O comandante do CPR está acompanhando as operações na região de Pedra Branca onde eles foram vistos e compraram álcool e algodão, confirmando que tem algum ferido, provavelmente dois, pois havia sangue nos bancos da frente e traseiro do veículo apreendido.



O reservado da PM estava buscando informações sobre o assassino da advogada Leda quando se deparou com esse veículo. Um policial chegou próximo à porta do carro e mandou que encostasse, pois iam fazer uma revista, e anunciou que era policial. O desconhecido apontou uma arma para o policial e ameaçando atirar contra o pescoço dele, pediu que entregasse a arma. Duas armas foram roubadas, pois um policial que dava apoio também foi rendido e então o policial foi agredido na cabeça.


Logo que os policiais ficaram em segurança outros integrantes do serviço reservado começaram uma troca de tiros com suspeitos. Um policial saiu com um ferimento no braço e foi conduzido para o HMI juntamente com o atingido com coronhada na cabeça. Os bandidos trocaram de carro porque tiveram um pneu furado na toca de tiros. Eles roubaram outro carro e seguiram pela estrada de Barreiras até um ponto onde a estrada está interrompida, onde abandonaram o carro e seguiram a pé. A PM continua as buscas ao grupo de 04 homens que estariam fortemente armados. Ainda não se sabe o que eles estavam planejando, mas coisa boa não era.


Fonte: ≤≥ blog RPI
Reações:

0 comentários :

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação !

Aquivo deste blog