Pesquisar este blog

quinta-feira, 16 de fevereiro de 2012

Ontem obtive informações dos bastidores da Rádio Alternativa, que o Prefeito Municipal Valmir Climaco através de pessoas de seu grupo político com proximidade com as entidades que administram a Rádio Comunitária Alternativa, dentre as quais a Igreja Católica, Sindicato dos Trabalhadores Rurais e Movimento SOS Tapajós, fez incurssões com o objetivo de retirar da programação da rádio o programa do Locutor Neymias Cordeiro e do Sintep, bem como de substituir o diretor da Rádio, Sr, Laurimar Santos.

As alegações encabeçadas pelo grupo de Prefeito Climaco é de que os referidos locutores tem feito críticas duras a sua administração. Quanto ao programa do Sintep através de seu Presidente Isaac Dias, o mesmo, que também é presidente do Conselho do FUNDEB, ultimamente tem cobrado através do programa de rádio semanal, os seguintes pontos:

  1. Em fevereiro de 2011, o atual Gestor e seu líder de governo foram aos canais de televisão e declararam que os professores receberiam um rateio no valor de 6.800.000,00, inclusive marcaram data para tal rateio. Um ano se passou e apenas o rateio que foi feito de 1.100.000,00, e o restante?

  2. No ano de 2011 várias reformas de escolas iniciaram e decorridos mais de ano as obras estão inacabadas e prejudicando o ano letivo, além do risco que os alunos correm de transitarem junto a ferro e material de construção nos corredores das escolas, detalhe o Sintep, denunciou que em muitas obras os processos licitatórios foram feitos depois das obras iniciadas, e em alguns casos foram feitos aditivos de 100% sobre o valor inicial da obras, em total desrespeito a Lei Federal 8.666 ( Lei de Licitações);
  3. Realização de concurso público já em atendimento a Constituição Federal;

  4. Cobra informações na prestação de contas dos recursos da Educação que em 2011 chegaram a R$ 60.000.000,00, sendo que tais informações são negadas pelo Gestor. E por fim Izaac, tem criticado o posicionamento dos vereadores da base de apoio do Prefeito, por compactuarem com a referida situação.

    Ora, em uma democracia, a liberdade de expressão é pilar fundamental, e sobretudo as críticas e denuncias contra gestores públicos através de organizações sindicais são legítimas e normais, como o caso da atuação do Sintep.

    Se há excessos, difamações, danos morais contra pessoas a instância para reparação é o Poder Judiciário. Imagine se a Câmara diante de críticas de blogs, jornais, e telejornais, começar a apresentar moção de repúdio, onde vamos parar? Portanto não reconheço que a moção em defesa do Presidente do Sintep seja um engano, pois sei, que na realidade estou em defesa da democracia, da liberdade de expressão e da imprensa livre em nossa cidade.

    Espero que o representante da Igreja Católica local, respeitável Bispo Dom Vilmar Santim, se posicione em defesa dos princípios e valores democráticos e não permita que Itaituba se torne uma Venezuela Chavista. Viva a democracia, abaixo a mordaça!!!!! Prefeito Valmir se posiciona como Rei, não quer ser contestado, sendo que, acha e age como se estivesse acima das leis.

    Fonte: Blog do Jota Parente
Reações:

0 comentários :

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação !

Aquivo deste blog