Pesquisar este blog

terça-feira, 11 de março de 2014

A água do rio já invadiu dois locais na estrada que dá acesso ao quartel do 53º BIS. O primeiro ponto fica após a descida localizada a mais ou menos 500 metros da bifurcação com a Estrada do DNER. Situa-se no bairro Bom Jardim.

Local na descida após a bifurcação com a Estrada do DNER
Foto: Jota Parente


Bueiro do Igarapé do Bom Jardim
Foto: Jota Parente
O segundo é um velho conhecido dos itaitubenses, pois já cortou algumas vezes em enchentes grandes. É o famoso bueiro que liga o Igarapé do Bom Jardim ao Rio Tapajós.




segunda-feira, março 10, 2014


Plataforma do Terminal Hidroviário poderá 


ser coberta pela água


Foto: Jota Parente


Foto: Jota Parente

De sábado para domingo, piorando muito de domingo para segunda, diversas partes baixas da cidade de Itaituba amanheceram alagadas.


A reportagem do blog e do Jornal do Comércio visitou os locais críticos.
Muitas casas foram invadidas pela água.


Muitas famílias estão se mudando para locais mais elevados, conforme constatou a reportagem.


O pior é que ainda existe grande possibilidade do rio continuar subindo por mais algumas semanas.


A Defesa Civil do município de Itaituba está tendo e vai ter ainda muito trabalho pela frente prestando socorro às famílias cujas casas foram tomadas pela água.


Não dá para afirmar com certeza, mas, se continuar subindo nesse ritmo, esta poderá ser uma das maiores enchentes do Rio Tapajós, em Itaituba.


O que mais assusta é a rapidez com que o nível do rio está subindo.



Como já aconteceu mais de uma vez, a plataforma do Terminal Hidroviário poderá será coberto pela água, se o rio continuar enchente com essa celeridade.





Moradores da 6ª Rua da Cidade Alta, no quarteirão que fica à esquerda de quem sobe a Travessa João Pessoa, resolveram usar o bom humor para enfrentar o problema do avanço da água sobre suas casas.

Colocaram uma placa para identificar o local, comparando-o com a famosa cidade italiana cujas ruas são tomadas pela água. Só faltam as gôndolas.


Foto: Jota Parente


Foto: Jota Parente






Água ameaça invadir a Avenida São José no Porto da Balsa. A balsa que faz a travessia entre Itaituba e Miritituba está ancorando quase na Avenida São José, de tão perto que está por causa da cheia. Se continuar subindo, o Tapajós poderá invadir essa via, também no referido local.


Foto: Jota Parente


Foto: Jota Parente


Foto: Jota Parente







No Jardim das Araras, na via conhecida como 6ª Rua da Cidade Baixa a situação está muito complicada. Muitas casas foram invadidas pela água do Rio Tapajós, forçando muitos moradores a se mudarem para locais mais elevados.


O problema se agrava na medida em que existem muitos moradores que não tem para onde ir. Esses terão que ser socorridos pela Defesa Civil. O casal Rick e Lauriene estava com suas coisas do lado de fora da casa, na parte seca, pois a residência foi tomada pela água. Eles tem um filho e estão se mudando para uma casa que conseguiram na mesma rua, num local onde não alaga, bem perto de onde moram. Situação mais complicada é de Dona Jô, que tem cinco filhos e está se mudando para bem distante de sua casa, que também está alagada. Ela está indo para o bairro do Km 5.
Foto: Jota Parente


Foto: Jota Parente


Foto: Jota Parente


Foto: Jota Parente






Foto: Jota Parente

Com a Travessa João Pessoa e a Avenida Belém tomadas pela água, o que também ocorre com a 6ª Rua da Cidade Baixa, restou aos motoristas que descem pela João Pessoa rumo ao centro, pegar a 1ª Rua da Cidade Alta, que também já está sendo invadida pelo Tapajós.





Foto: Jota Parente




Na Travessa Lauro Sodré, entre a 6ª Rua da Cidade Baixa e a 1ª Rua da Cidade Alta, moradores decidiram aproveitar o embalo da enchente para também colocar o seu protesto através do cartaz abaixo.

Foto: Jota Parente




Água invade Avenida São José, em frente ao Mercado. De ontem para hoje a água do Tapajós invadiu a Avenida São José, em frente ao Mercado Municipal e de algumas casas comerciais. Por enquanto os carros ainda conseguem passar pelo local. Mas, se continua subindo, ela também será interditada pela água.



Trânsito interrompido na Travessa João Pessoa com Avenida Belém. De sábado para domingo, e de domingo para segunda a água do Rio Tapajós subiu com uma rapidez assustadora e impressionante. Algumas casas da Travessa João Pessoa, na confluência com a Avenida Belém, a água invadiu o leito das duas vias, impedindo a passagem de carros.

Fofo: Jota Parente


Foto: Jota Parente








Foto: Jota Parente


Foto: Jota Parente


Foto: Jota Parente


Foto: Jota Parente

Alguns anos mais, outros menos, o certo é que quem mora nesses dois bairros de Itaituba, localizados às margens do Rio Tapajós está sempre exposto aos efeitos das enchentes durante o inverno amazônico. E este ano está mais para enchente grande. A água já avançou bastante, tendo invadido algumas casas mais baixas. No caso desses dois bairros, as casas são altas, verdadeiras palafitas, a maioria das quais costuma ser poupada, só sendo invadidas quando a cheia é muito grande. As pessoas usam as passarelas de madeira para chegar até a parte suas casas e para sair. Mas, neste momento, foi preciso improvisar uma passagem de madeira como essa para chegar até as passarelas, uma vez que tanto a da direita quanto a da esquerda já ´
estão dentro d´água.


FONTE: JORNALISTA JOTA PARENTE- JORNAL DO COMERCIO !!!
Reações:

0 comentários :

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação !

Aquivo deste blog