Pesquisar este blog

domingo, 15 de junho de 2014

A guarnição integrada por policiais do Grupo Tático operacional se deslocou para cidade de Itaituba, para buscar os cinco policiais indiciados por envolvimento no atentado as residências de dois coronéis da policia militar.

Casco partiu 
A prisão dos envolvidos aconteceu mediante cumprimento de mandado de prisão expedido pela justiça. As investigações realizadas pela corregedoria constatou o envolvimento, e de posse das informações minuciosas colhidas durante o processo investigativo, foi solicitada à justiça a prisão dos envolvidos. Como Itaituba não possui um local adequado para manter policiais presos, foi solicitada a transferência para a capital do estado. A condução dos mesmos ficou sob a responsabilidade da policia militar de Santarém. No deslocamento da equipe do tático ao se aproximar da localidade prainha do Tapajós, próximo de Itaituba, a lancha foi a pique, partindo o casco da embarcação na região conhecida por “calado”. Outra lancha teve que se deslocar da cidade de Santarém para buscar os presos de justiça. 
A equipe do rota News e o Grupo Elias Junior Noticias teve acesso as informações com exclusividade. O que chama a atenção é o fato da lancha envolvida no episódio ter sido entregue recentemente pelo governo do estado, para auxiliar nos trabalhos de policiamento aquático na região do baixo amazonas, seria nova de acordo com o comando geral da policia militar, no entanto, segundo informações repassadas a nossa equipe, o motor é novo e o casco é velho, teria recebido uma pintura apenas para dar uma nova aparência á embarcação.


Fonte : ELIAS JUNIOR NOTÍCIAS
Reações:

0 comentários :

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação !

Aquivo deste blog