Pesquisar este blog

segunda-feira, 8 de novembro de 2010

Por um instante
fez-se silêncio.
Nenhuma palavra,
nenhum suspiro,
nenhum murmúrio.
Apenas um cruzar de olhares
que nada significava para o resto do mundo,
mas que para eles era tudo.
Podiam sentir, como nunca antes,
os pensamentos, os sentimentos e as dúvidas
um do outro.
E sentiram-se completos,
felizes, invencíveis enquanto estivessem juntos.
Por um instante
dois pares de olhos se fecharam,
dois corpos se abraçaram
e duas pessoas se beijaram.
Por um instante,
que nada significava para o resto do mundo,
um novo amor nasceu.
por Guilherme
Reações:

0 comentários :

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação !

Aquivo deste blog